Textos

PEDAÇOS DE TI

Sangra e dói
pedaços de ti
que guardo enquadrado
na minha parede
na sala de estar
onde sempre estarei
na esperança de que um dia
você possa voltar

Guardo a tua mocidade
a nossa história
teu jeito moleque
preso na saudade
e no jeito manso
de me olhar

Sangra e dói
os pedaços de ti
que guardarei nas lembranças
enquanto espero que um dia
você volte à minha sala
onde você sempre deveria estar
Rosalvo Abreu
Enviado por Rosalvo Abreu em 25/02/2019
Alterado em 25/02/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autoria Rosalvo Abreu). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários