Textos


TEU OLHAR

Livre como um vento
Numa fina fresta de luz
A clarear teu belo rosto
Vi o tempo que passou

Teu olhar do amanhã cor de mel
Feriu-me agora como uma flecha
E me fez recordar de um tempo
Que tão velozmente já findou

Senti no olhar a esperança
De um tempo novo que virá
Agora preciso ficar atento
Para não perder o tempo
Que sempre vai chegar

No teu olhar
Vi a esperança de um novo tempo
Vi a fé no futuro
Vi um pouco da imensidão do mar
Rosalvo Abreu
Enviado por Rosalvo Abreu em 29/01/2018
Alterado em 30/01/2018
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Autoria Rosalvo Abreu). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários